O que significa depressão, causas, sintomas e tratamento da depressão, identificando problemas associados, e o modo de a prevenir.


Fatores de risco para depressão

Os principais riscos fatores de risco que podem originar uma depressão são:
  • História familiar de depressão;
  • Sexo feminino;
  • Idade mais avançada;
  • Episódios anteriores de depressão;
  • Parto recente;
  • Acontecimentos estressantes;
  • Dependência de droga.

O número de casos entre mulheres é o dobro dos homens. Não se sabe se adiferença é devida a pressões sociais, diferenças psicológicas ou ambas. Avulnerabilidade feminina é maior no período pós-parto: cerca de 15% das mulheresrelatam sintomas de depressão nos seis meses que se seguem ao nascimento de umfilho. A doença é recorrente. Os que já tiveram um episódio de depressão no passadocorrem 50% de risco de repeti-lo. Se já ocorreram dois, a probabilidade de recidiva podechegar a 90%; e se tiverem sido três episódios, a probabilidade de acontecer o quarto ultrapassa 90%.Como é sabido, quadro de depressão podem ser disparados por problemaspsicossociais como a perda de uma pessoa querida, do emprego ou o final de uma relação amorosa. No entanto, até um terço dos casos estão associados a condiçõesmédicas como câncer, dores crônicas, doença coronariana, diabetes, epilepsia, infecçãopelo HIV, doença de Parkinson, derrame  cerebral, doenças da tireóide e outras.Diversos medicamentos de uso continuado podem provocar quadros  depressivos. Entreeles estão os anti-hipertensivos, as anfetaminas (incluídas em diversas fórmulas para controlar o apetite), os benzodiazepínicos, as drogas para tratamento de gastrites e úlceras (cimetidina e ranitidina), os  contraceptivos orais, cocaína, álcool,antiinflamatórios e derivados da cortisona.
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL